Minha boca travou, e agora?

Existem dois tipos de travamentos da mandíbula: o de boca fechada, quando não se consegue abrir a boca e o de boca aberta, quando não se consegue fechar. O travamento da mandíbula de boca fechada ocorre mais frequentemente devido ao deslocamento do disco articular e se transforma em um obstáculos ao movimento da articulação. Nestes casos não se consegue abrir a boca com amplitude adequada e alguns outros movimentos também podem estar limitados. Já no travamento de boca aberta, o paciente apresenta dificuldade de fechar a boca, dificuldade de falar e aumento da salivação. Isso acontece porque ligamentos da ATM sofrem distensão permitindo um movimento exagerado do componente ósseo (cabeça da mandíbula). O travamento da boca se dá normalmente com sintomatologia dolorosa forte. Muitas vezes o travamento de boca aberta acontece após mordida em sanduíche, gargalhada, pancada, extrações, anestesia geral, etc. Indivíduos com risco de travamento aberto apresentam frouxidão ligamentar e uma anatomia articular que favorece a lesão. Quando o travament

Inscreva-se em nossa newsletter e receba dicas e informações sobre os nossos tratamentos!