Dor de dente que não vem do dente?

Você sabia que a dor de dente é mais comum das dores na face?  As dores que tem origem na polpa dentária e tecidos periodontais são as que mais acometem a região facial. Essas dores geralmente são sentidas em caráter pulsátil ou pontadas e  aparecem após estímulos térmicos (quente e frio) ou durante a mastigação pelo contato dos dentes. Essas condições são facilmente tratadas pela Odontologia, com tratamentos  restauradores, endodônticos e periodontais. Entretanto, existem dores que são sentidas nos dentes mas tem origem em outros tecidos, confundindo muitas vezes tanto o paciente quanto o profissional. Por exemplo, dores musculares crônicas podem referir dor para os dentes, dando a sensação de uma dor de dente em “peso ou pressão”. Outro exemplo são as sinusites, que podem refletir dor nos dentes superiores. A Neuralgia do Trigêmeo também pode simular dor de dente, com sensação de dor rápida em choque elétrico. Até mesmo o coração pode refletir dor nos dentes. Alguns pacientes que chegam enfartados em emergências c

Os distúrbios temporomandibulares têm sido caracterizados como alterações envolvendo a musculatura mastigatória, as articulações temporomandibulares e estruturas relacionadas a estes. Os indivíduos portadores da DTM apresentam vários sinais e sintomas comuns a esta patologia, como a dor e sensibilidade dos músculos mastigatórios e na ATM, presença de ruídos e limitação dos movimentos mandibulares. As atividades parafuncionais podem ser diurnas e noturnas. Entre os hábitos diurnos se destacam o apertamento dentário, roer unhas, mastigação unilateral, morder lábios, bochechas e objetos (caneta, lápis, etc), sucção digital, mastigação de chicletes, má postura corporal e fumo. Esses hábitos podem prejudicar os indivíduos propensos a desenvolver uma DTM. Portanto se você apresenta algum desses hábitos, cuidado! Você pode desenvolver sintomas de DTM. Se você já apresenta sinais e sintomas de DTM evite hábitos deletérios e movimentos abruptos e extensos mandibulares.

Inscreva-se em nossa newsletter e receba dicas e informações sobre os nossos tratamentos!