Cefaléias e DTM: uma relação comum.

Quase todo mundo já enfrentou dor de cabeça pelo menos uma vez na vida. As cefaléias fazem parte da vida de muitas pessoas, gerando sofrimento e perda de qualidade de vida. Existem muitos tipos de cefaleias, o que torna ainda mais difícil o diagnóstico e tratamento. Elas se dividem em dois grandes grupos: as primárias e as secundárias. As cefaleias primárias, como a enxaqueca por exemplo, são consideradas doenças e específicas e tem tratamento com o Neurologista. Nas cefaleias secundárias, a dor de cabeça é um sintoma de algum outro problema ou doença. Nestes casos, a dor de cabeça pode ter origem em diversas condições, por exemplo: traumas cranianos e cervicais, tumores cerebrais, exposição a produtos químicos nocivos e tóxicos, infecções como meningite, sinusite e otite, alterações metabólicas, problemas das estruturas pericranianas como olhos, ouvidos, nariz, seios da face, dentes, ATM e pescoço. Portanto, as disfunções da ATM podem ser uma causa de cefaleia secundária. Nestes casos, o tratamento adequado das DTM promove alívio da dor de cabeça. Há ainda um outro tipo de interação bastante comum: cefaleias primárias e DTM coexistindo no mesmo paciente. É o caso da relação entre enxaqueca e DTM. Quando isso acontece

O auto-teste para identificação da presença de disfunção da ATM inclui algumas questões: voce-tem-dtm   Possui sensibilidade nos dentes?   Apresenta distúrbios do sono, sonolência ou tontura? Você acorda sempre muito cansado? Quando você abre a boca, a mandíbula desvia para um dos lados? Tem dificuldades para se alimentar? Você apresenta zumbido no ouvido? Seus dentes são desgastados? Você tem a sensação de falta de encaixe dos dentes na mordida?   Os sintomas acima referidos podem não estar associados à Disfunção da ATM, mas o auto-teste NÃO substitui o aconselhamento odontológico especializado. No entanto, se você respondeu afirmativamente várias das questões acima, procure um dentista especialista em Disfunção da ATM para realizar o diagnóstico precoce da doença. A Clínica Bonotto Odontologia em Curitiba conta profissionais especializados que estão aguardando a sua

A Disfunção da ATM apresenta sintomas desagradáveis aos pacientes, mas pode ser prevenida diariamente evitando os maus hábitos. Alguns dos maus hábitos a serem evitados são: mascar chicletes, usar chupetas, morder objetos e canetas, roer unhas, morder alimento extremamente duros, apertar os dentes, morder a bochecha, dormir com a mão sob a mandíbula, dormir sobre o estômago evitando o posicionamento lateral da cabeça que pode forçar a ATM, falar ao telefone apoiando o mesmo no ombro por muito tempo. previna-se-meio Devemos estimular bons hábitos como fazer atividade física semanal, manter a postura ereta, realizar pausas durante o período de trabalho para alongamento do corpo e da coluna. Reserve momentos de lazer, mantenha uma boa higiene bucal, mantenha uma boa postura ao trabalhar no computador. Procure um profissional especializado em Disfunção de ATM na Clínica Bonotto Odontologia em Curitiba assim que notar a presen

Tire suas dúvidas sobre a Disfunção da ATM.

Bonotto-02O que é a ATM?

A articulação temporomandibular pode ser definida como um grupo de estruturas anatômicas que em associação com os músculos permitem que a mandíbula realize diversos movimentos durante o ato mastigatório. Anatomicamente a mandíbula está unida ao crânio o que torna presente as conexões musculares e ligamentares com a região cervical formando um sistema funcional conhecido como sistema crânio-cérvico- mandibular.

Bonotto-03  Quais os fatores de risco?

Existem alguns fatores de risco envolvidos na gênese das Disfunção da ATM como: sexo, idade, anormalidades da oclusão, parafunção mandibular, fatores emocionais, trauma, atividade mandibular e interações senso-motoras.

Bonotto-04Como saber se eu tenho disfunção de ATM?

Inscreva-se em nossa newsletter e receba dicas e informações sobre os nossos tratamentos!